quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Consciência Crísitica... É Natal



A data natalina está próxima e, com ela, o chamado para nos lembrarmos da mensagem que o Cristo Jesus nos trouxe há mais de dois mil anos, a do Amor. 

Tanto tempo já se passou e ainda nos encontramos tão primários nos ensinamentos do Cristo. Chega a ser paradoxal, pois buscamos em nossos os dias, a realização tendo a felicidade como nosso maior prêmio, porém a procuramos indo na direção errada, nas distrações cotidianas, esquecendo que somente através do verdadeiro Amor é que alcançaremos a plena felicidade interior.

Amar a Deus sobre todas as coisas é confiar-Lhe a nossa vida, é viver em gratidão por tudo o que nos chega, inclusive situações que consideramos, sob os olhos humanos, como não desejados, é saber que as experiências são oportunidades de mostrar a nós mesmos que sabemos Amar. Amar ao próximo como a nós mesmos é compreender que cada um de nós traz uma bagagem emocional e visões diferentes sobre a vida conforme a vontade de Deus e, por isso, devemos respeitá-lo. Cada um de nós cumpre um papel importante para a engrenagem da vida. Por trás de todos os papéis ilusórios, que vivenciamos transitoriamente, está a existência em sua pureza e essência, na qual vibramos em pura luz.

Para que a nossa luz rompa as crisálidas que a envolve e faça florescer o divino que habita em nós, precisamos permitir que a nossa consciência Crística inunde a nossa mente, guie nossas intenções e reflita em nossas atitudes. A força para que este rompimento aconteça é o Amor. E para tanto, é necessário nos lembrar a todo instante quem realmente somos em essência: somos Uno com o Universo, com a energia Sagrada da Vida. 

Neste Natal, reunidos com os nossos ou a sós em nosso íntimo, que a Luz de nossos corações se renove, guiando nossos passos na direção do Amor, fortalecendo a nossa consciência em Cristo.  

Um Natal de muita Alegria, Harmonia e Paz interior.
Namaste